10 de fevereiro de 2015

no amor

um n(amor)o (que) acaba
não termina (sempre)
em (vão) às vezes
e(ter)niza

Nenhum comentário:

Postar um comentário